fvmTopdISCUTE

Vamos colocar aqui os links para acompanhar a discussão/produção dos jogos participantes do Concurso Faça Você Mesmo 2018! Se você tá participando da brincadeira e seu jogo ainda não está aqui, por favor poste nos comentários o links de onde você está discutindo sua criação com a comunidade!

Kitsune: As Terras da Primavera |  George dos Santos |  Documento |  Discussão

KHAN |  Júlio Matos |  Documento |  Discussão

Virtude |  Thiago Ribeiro |  Documento |  Discussão

Ser Vivo |  Jairo Borges |  Documento |  Discussão

Herança |  Felipe Recka de Almeida‎  |  Documento |  Discussão

Identidade Cromática |  Max Fischer |  Documento |  Discussão

Lens: Seu olhar pode mudar tudo |  Diego Barreto Azevedo |  Documento |  Discussão

Panteão |  Jordan Florio de Oliveira |  Documento |  Discussão

Opção: Nerd |  Rafael Filho |  Documento |  Discussão

O Guarda no Portão |  Cezar Capacle |  Documento |  Discussão

O Alvo |  Raul Fontoura |  Documento |  Discussão

119 Dias Comigo |  Janine Appel |  Documento |  Discussão

viÆgóica |  Tadeu Rodrigues |  Documento |  Discussão

Meritrucocia |  Rafael Carneiro Vasques |  Documento |  Discussão

spectrum.RPG |  Caio Romero |  Documento |  Discussão

Blackout |  Marcos Roberto Rodrigues |  Documento |  Discussão

MATIZ |  Marcio Moreira |  Documento |  Discussão

Vastatio |  Gabriel Padinha |  Documento |  Discussão

Brazil’s Struggle |  Eduardo Francis |  Documento |  Discussão

A torre de marfim  |  Vitor Pissaia |  Documento |  Discussão

 

15 comments to “Discuta sua Criação no FVM 2018”

You can leave a reply or Trackback this post.

  1. Janine - maio 28, 2018 at 3:53 am Reply

    Oi, eu estou começando a escrever um rpg sobre o tema dos jogadores entraram um um sanatório. ja estou estabelecendo limites, mas não acho certo usar os termos de remedios e tratamentos corretos para não dar chance de pessoas que tem esses problemas usarem o jogo com valvula demais. Sei que provavelmente vai ser meio pesado, e estou pensando em usar um “disclaimer” pq provavelmente sera um jogo nao muito facil…. o que vocês acham?

    • Rafael Filho - maio 29, 2018 at 4:57 am Reply

      Eu incluiria uma mecânica de remédios com pastilhas consumíveis (Tic-Tac, Disquetis etc) em porta-remédios semanais, tipo os biscoitos de Cachorros Samurais, só que com efeitos “psicotrópicos” sobre as regras do jogo.
      Recomendo também usar a categoria F do CID 10 para não esquecer nenhum transtorno. E se tiver tempo, leia algum livro do Thomas Szasz.

    • Rafael Rocha - maio 29, 2018 at 11:31 am Reply

      Ei Janine tudo bem? Acho a ideia de um disclaimer boa, e pode te dar mais liberdade para explorar certos temas. Ainda assim, acho que o jogo não precisa sempre de realismo (ainda mais quando trata de temas pesados), e as fezes pode ser melhor evitar mesmo termos técnicos e que sejam gatilhos para pessoas que se encontram em determinadas situações de vulnerabilidade.
      Você tá discutindo seu jogo em algum lugar (blog, forum, facebook)? Se sim nos mande o link, queremos acompanhar :)

  2. Julio Matos - maio 28, 2018 at 9:29 pm Reply

    Segue o link da discussão do meu jogo “Khan”
    https://www.facebook.com/groups/indierpg/permalink/1793568324033472/

  3. Thiago Ribeiro - maio 30, 2018 at 6:39 pm Reply

    Quando vocês dizem “Jogos Narrativos” coisas como “Sim, Mestre das Trevas”, “Black Stories” e “Cards Against Humanity” contam, ou seria algo mais voltado para RPG clássico? Se puderem dar uma olhada no que já tenho e me dizer se estou indo na direção certa ou se entendi mal a proposta, eu agradeço. Segue o link da discussão e, nele, está o link para o doc.

    https://www.facebook.com/groups/indierpg/permalink/1795257897197848/

    • Rafael Rocha - maio 30, 2018 at 8:06 pm Reply

      Ei Thiago! Cara usamos “jogos narrativos” justamente como uma categoria que abarca RPGs mais tradicionais, jogos de cartas ou até de tabuleiros, desde que tenham no seu cerne o elemento da criação coletiva de uma história. Seu jogo me parece se encaixar bem nessa pegada :)

  4. Guilherme - junho 3, 2018 at 4:38 am Reply

    Olá, tenho uma dúvida, está escrito que é apenas um projeto por pessoa correto? O meu caso é o seguinte, eu tenho um projeto ao qual estarei enviando-o para o FVM, mas a arte feita para meu projeto será de um autor que também está enviando seu rpg. É permitido nesse caso? A única parte ao qual ele está envolvido é a arte, toda a idéia geral é minha. Estarei indo contra as regras?

    • Rafael Rocha - junho 3, 2018 at 2:38 pm Reply

      Não tá não, desde que não coloque seu colega como co-autor. E se podemos dar uma sugestão, não se preocupe com a arte agora!

  5. Rafael Canhête Filho - junho 3, 2018 at 4:51 pm Reply

    Estou fazendo um jogo chamado “Opção: Nerd” para contar histórias com um cubo mágico e folhas de motivos de personagens.

    Link da discussão (depois coloco lá um link para o documento):
    https://www.facebook.com/groups/indierpg/permalink/1798995243490780

  6. Tadeu Rodrigues, Francisco Alves e Caue Reigota - junho 5, 2018 at 1:00 pm Reply

    viÆgóica

    Um larp sobre Galáxia e Identidade, onde os limites são tênues.

    A tripulação de uma nave espacial acorda da suspensão criogênica rumo à sua próxima missão. Durante a suspensão, o mainframe da nave controlava os sonhos induzidos. Mas alguma pane ocorreu. Agora, acordados, as memórias de todos estão embaralhadas, ficando confuso entender quais são as memórias de cada um. As memórias anteriores à suspensão se tornaram coletivas, de modo que todos lembram das memórias de cada um, sem diferenciação. Há pouco tempo da missão, resta aos tripulantes tentar usar o tempo disponível para entender melhor qual memória é de cada um.

  7. Eduardo Francis - junho 8, 2018 at 1:36 am Reply

    Olá! Segue o link para meu RPG.
    Brazil’s Struggle

    Documento:
    https://drive.google.com/file/d/1q8rznQmK8qFmUP4SK9iP2lLJNb926KIu/view?usp=drivesdk

  8. Eduardo Francis - junho 8, 2018 at 8:59 pm Reply

    Link para a discussão sobre o Brazil’s Struggle.

    Discussão:
    https://www.facebook.com/groups/indierpg/permalink/1803465796377058/

Deixe uma resposta para Caue Reigota, Francisco Alves e Tadeu Rodrigues Cancelar resposta

Your email address will not be published.